Você pode passar a sua vida sem Jesus, mas vai ser terrível morrer sem Ele!!!

Você pode passar a sua vida sem Jesus, mas vai ser terrível morrer sem Ele!!!

Paulo Junior:

Loading...

sábado, 14 de janeiro de 2012

Ensina-nos a Contar os Nossos Dias.

Moisés pode ser considerado o maior líder judeu, foi o homem que entregou os Dez Mandamentos ao povo e é o autor do Pentateuco. Nesse salmo, ele faz uma oração e pede a Deus que nos ensine a contar os nossos dias, de tal forma que venhamos a ter um coração sábio.

Olhando, de pronto, para o seu pedido podemos correr o risco de não conseguir alcançar a magnitude da sua solicitação. Na verdade, Moisés está confrontando a forma como o ser humano conduz o seu dia a dia.

No Salmo 90, Moisés pede que Deus nos ensine a (...) contar os nossos dias para alcançar um coração sábio.

Consideremos alguns elementos chaves nessa oração:
Primeiro somente Deus conhece quantos dias restam da nossa vida. A certeza da morte é inegável. Igualmente certo é o fato de que ninguém sabe em que dia ela virá. Deus, nosso Professor Supremo, conhecedor de todas as coisas, marca a carga horária na escola da vida. Ele é quem assina o diploma ou reprova os alunos.

Segundo, os melhores alunos pedem a ajuda de Deus para evitar o desperdício do tempo. Dias não-contados referem-se a dias não-aproveitados, horas em que nada se fez ou não se aprendeu nada de valor. Nenhuma palavra de encorajamento emanou da boca e nenhuma influência sadia impediu alguém de ir em direção a Deus.

O homem que quer aprender a sabedoria de Deus avalia tudo à luz da eternidade.

Terceiro, o objetivo das lições de Deus visa alcançar um coração sábio. Ele mostra o caminho e motiva seus servos a progredir nessa direção. Revelou sua infalível Palavra para ser luz e lâmpada para os pés dos que andam nos caminhos sinuosos deste mundo.

Quarto, indagaremos sobre o que quer dizer “coração sábio”. Estas palavras têm um paralelo na mensagem de Paulo: Não cessamos de pedir que transbordeis de pleno conhecimento da sua vontade, em toda a sabedoria e entendimento espiritual. (Cl 1.9). Se Deus nos ensina clara e inconfundivelmente Sua vontade, não ficaremos mais presos à cegueira que baseia suas decisões no acaso de loteria.

Infinitamente melhor é escolher sob a direção daquele que conhece o futuro tão plenamente como o passado (Rm 8.14). Sabedoria quer dizer inteligência que enxerga bem, além do horizonte desta vida curta e insegura. Escolher de acordo com a orientação bíblica permite ao servo ecoar as palavras do famoso missionário David Brainerd no limiar da morte.

“Não teria vivido a minha vida diferentemente do que vivi por nada neste mundo”. Jim Elliot, inspirado pela sabedoria de Brainerd, foi morto por uma lança dos selvagens aucas no Equador, em 1956. Disse o mártir: “Não é tolo quem deixa o que não se pode reter para alcançar o que não se pode perder”.

Quem, além de Deus, pode ensinar a um filho de Adão essa realidade? Ninguém nasce sábio. Pecadores buscam prazer e sucesso com uma visão curta. Não olham além da morte física, enquanto o homem que quer aprender a sabedoria de Deus avalia tudo à luz da eternidade.

Paulo disse que, se recebermos sabedoria e entendimento espiritual, devemos viver de modo digno do Senhor, para o seu inteiro agrado (Cl 1, 10). Uma definição de pecado destaca precisamente esse aspecto - desagradar a Deus agindo de maneira indigna do Pai que nos gerou pelo Seu Santo Espírito.

Moisés percebeu a importância de se alcançar sabedoria. Durante quarenta anos foi instruído em tudo o que havia de melhor da sabedoria humana. Matou o egípcio que maltratava um israelita. Foi uma decisão aparentemente inteligente, mas não sábia. Depois fugiu para Midiã onde teve tempo para as aulas de Deus.

Por quarenta anos foi adquirindo sabedoria do alto que lhe serviu tão bem durante os últimos anos do governo do Povo Escolhido. Mesmo sendo Moisés um servo humilde, Deus o escolheu para conduzir Israel, tirando-o do Egito até a Terra Prometida e para escrever os primeiros cinco livros da Bíblia.

Foi esse mesmo Moisés que escreveu o Salmo 90 e gravou esse pedido de ajuda para contar os seus dias de modo que alcançasse a sabedoria. Dias são desperdiçados porque não os contamos como preciosas pérolas que podem ser trocadas por sabedoria do alto.

O Salmo 90.12 aponta na direção de verdadeiro sucesso. Pedir a instrução do Criador infinito em poder e sabedoria é o único meio de chegarmos ao fim da vida felizes e bem-sucedidos aos olhos de Deus.

Para se viver bem, no mundo e no céu, sabedoria do alto (Tg 3.17) é tudo! Jonathan Edwards sabia que a sabedoria celestial valia mais que dinheiro ou fama. Ele e sua santa mulher tiveram setecentos e vinte e nove descendentes.

Dessa família surgiram trezentos pregadores, sessenta e cinco professores universitários, treze reitores de universidades, sessenta autores de bons livros, dois deputados do congresso americano e um vice-presidente do país. Que explicação única haveria para um fenômeno como a família de Edwards, senão a busca de um coração sábio vindo de Deus e a valorização do tempo que o Senhor lhe concedeu?

A Bíblia fala da necessidade de se contar dias. Contar ciclos, anos, fases. Contar com um propósito. Com uma finalidade especifica: Adquirir um Coração Sábio.

1. Como Contar os Dias

• Sl 39:4-5 - A medida dos meus dias.

Quando Moisés pede a Deus que nos ensine a contar os nossos dias, ele está pedindo justamente isto. Que consigamos ver que o fato de termos saúde e milhares de pessoas não terem é um presente e precisamos valorizar.

Que estarmos levando toda a manhã para poder trabalhar não é um fato banal, é uma coisa fantástica, pois existem milhares de pessoas que dariam tudo para poderem estar fazendo o mesmo e não estão. Que termos uma família que amamos e que nos ama é algo maravilhoso, já que neste mundo existem pessoas que vivem sozinhas, sem ninguém, abandonadas ao seu próprio destino.

O salmista pede que Deus o ensine a contar os dias, portanto não é natural que contemos nossos dias. Não é uma coisa que todas as pessoas fazem normalmente. Mas você pode me dizer que as pessoas contam seus dias pela sua idade. Tenho 20 anos, isto quer dizer que tenho 7.300 dias, ou 50 anos 18.250 dias. Não é deste tempo que a Bíblia fala, porque Deus é eterno e ele não se move baseado somente no tempo cronológico.

2. Tempo de deus é o tempo oportuno

O tempo que o salmista está falando não é somente o tempo cronológico (v.10) mas ele menciona outro tempo:

“Todos os nossos dias vão passando acabam-se os nossos anos” (v.9).
 
“A duração da nossa vida, pois passam rapidamente. (v.10)

Moisés está falando de um tempo com propósito!

Moisés está falando de um tempo que só o coração do sábio sabe contar!

Moisés está pedindo que Deus o ensine a não deixar esses dias passarem!

Moisés está pedindo que cada um dos seus dias cronológicos possam ser contados, isto é levados em consideração. Que Deus possa se agradar dos dias de Moisés e possa escrevê-los como memorial para a eternidade.

Moisés está pedindo um Coração Sábio

3. Um Coração Sábio

• (Ec 8:5) O propósito do coração sábio

Por que queremos um coração sábio?

O objetivo de um coração sábio não é se encher de conhecimento e poder responder todas as perguntas. Saber todas as coisas. O coração sábio não é para ser melhor e então Ter mais autoridade.

Moisés pediu um coração sábio, mas Salomão revelou o propósito deste coração sábio.
- Um coração sábio é para discernir tempos!
- Um coração sábio compreende as oportunidades de deus em seus dias.
- Um coração sábio faz dos seus dias oportunidades!

4 . Tempo Oportuno:

Porque estamos falando de contar os dias, de Ter um coração sábio para discernir os tempos, as oportunidades? Porque Deus tem ciclos, tempos e dias para as nossas vidas.

Deus tem um mover cada um de nós!

Sempre ouvimos dizer que Deus tem um mover para Goiânia. Os nossos pastores nasceram ouvindo isso de seus pastores e nós também fomos gerados debaixo destas promessas, mas quem em fim experimentará deste mover. Qual geração se apropriará destes dias?

Qual povo entenderá e reconhecerá este mover?

A Bíblia fala de que há um tempo oportuno, um tempo diferente dos demais, há fases e ciclos diferentes um do outro e se não percebemos estes “tempos” ficaremos de fora daquilo que Deus está fazendo na nossa geração. Este tempo não volta mais.

• ( Ec 3) Tempo para todas as coisas

Existe tempo para tudo e há um tempo determinado para que todo propósito se cumpra, passado este tempo inicia-se outro.
- Qual é o tempo da sua vida, nestes dias?
- Com que propósito você tem gasto seus dias?
- Os seus dias tem sido contados ou somente vividos?

Qual o tempo oportuno para nós como jovens?
• Ec 11: 1,2,4,6,9 – Tempo Oportuno

5. Princípios para reconhecer e agir em tempo oportuno.

A. Princípio: Lança o teu pão sobre as águas:

Lançar o teu pão fala de fé. Ninguém lança um pão em um rio e espera tê-lo de volta, isso é uma atitude de fé.

B. Lançe sua oração sobre as pessoas (converssão)

6. A Salvação em tempo oportuno:

Quando Moisés pede a Deus que nos ensine a contar os nossos dias, ele está pedindo justamente isto. Que consigamos ver que o fato de termos saúde e milhares de pessoas não terem é um presente e precisamos valorizar.

Que estarmos levando toda a manhã para poder trabalhar não é um fato banal, é uma coisa fantástica, pois existem milhares de pessoas que dariam tudo para poderem estar fazendo o mesmo e não estão. Que termos uma família que amamos e que nos ama é algo maravilhoso, já que neste mundo existem pessoas que vivem sozinhas, sem ninguém, abandonadas ao seu próprio destino.

A Bíblia é bem clara sobre a necessidade de uma pessoa nascer de novo para receber a vida eterna. Jesus cunhou esse termo em João 3:3-7, quando disse ao líder religioso Nicodemos: "Em verdade, em verdade te digo que se alguém não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus."

Como essa necessidade é tão importante, Satanás a tem atacado com todo o seu poder nos últimos dois mil anos, fazendo a maioria das igrejas cristãs deixar de ensinar essa doutrina, apesar de que ninguém pode ser salvo sem passar por essa maravilhosa conversão espiritual. No entanto, a arma mais eficiente de Satanás contra a doutrina do Novo Nascimento sempre foi a confusão.

Felizmente, Jesus tornou esse processo de transformação bem simples, tão simples que todas as pessoas, independente de seu grau de instrução ou de inteligência, podem compreender. Existem vários passos para nascer de novo e eles estão relacionados a seguir:

Compreenda que TODOS os homens nascem pecadores. Romanos 3:23, diz "Pois todos pecaram e carecem da glória de Deus." Essa mensagem que todos os homens são pecadores é amplamente repetida nas Escrituras, tanto no Velho quanto no Novo Testamento. Isso significa que você é um pecador diante dos olhos de um Deus que é santo e que precisa punir todo o pecado. Você reconhece que é um pecador?

Como todo homem é um pecador imperfeito, e Deus é um Deus perfeito, nenhum homem pode salvar a si mesmo. Jesus deixou esse fato bem claro em Mateus 5:48, quando disse, "Portanto, sede vós perfeitos, como perfeito é o vosso Pai celeste."

Se todos precisamos ser perfeitos aos olhos de Deus, como alguém poderá ir ao céu, especialmente se a Bíblia declara diversas vezes que TODOS são pecadores? Obviamente, ninguém irá ao céu assim, tentando ser bom para merecê-lo. Como a Bíblia diz que milhões de pessoas estarão no céu, deve haver outro modo de chegar lá, além de tentar ser bom o suficiente.

Você precisa estar arrependido dos seus pecados e querer obter o perdão. Isso se chama Arrependimento. A palavra arrependimento significa que você se arrepende dos pecados passados e que não quer pecar mais.

Arrependimento significa o desejo de dar uma volta de 180 graus em sua vida. Não significa que você nunca mais pecará, mas significa que o pecado será uma exceção na sua vida, não a regra. Não se preocupe — o Espírito Santo de Deus lhe dará o poder espiritual para se transformar nesse tipo de pessoa.

Jesus Cristo, oferecendo seu sangue derramado no Calvário, morreu como um sacrifício substituto pelos seus pecados, e agora está oferecendo vida eterna no céu para você como um Dom Gratuito!Parece bom demais para ser verdade? Em Romanos 6:23, temos: "Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus nosso Senhor." A vida eterna é um dom, um dom gratuito, de Deus por meio do sacrifício de Jesus na cruz. Você não pode comprar a vida eterna, e com certeza não a merece, mas ela é oferecida como um DOM GRATUITO

Em Efésios 2:8-9, o apóstolo Paulo reitera esse ensino que a vida eterna com Deus é um dom gratuito. "Porque pela graça sois salvos, mediante a fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus; não de obras, para que ninguém se glorie." Nenhum homem poderá estar diante de Deus na eternidade, e se gloriar que "comprou" sua entrada no céu.

Ao contrário, todas as pessoas no céu estarão ali somente por causa do DOM GRATUITO de Deus, que Jesus obteve com sua morte em nosso lugar na cruz. Em vez de punir os pecados individuais de cada pessoa, Deus acumulou esses pecados sobre Jesus quando Ele estava na cruz. (Is 53:2-12)

Agora, você provavelmente está pensando, ‘Como posso receber esse dom gratuito da vida eterna?‘ Em Atos 16:25-33, o carcereiro perguntou a Paulo, "O que devo fazer para que seja salvo?" Paulo respondeu: "Crê no Senhor Jesus Cristo, e serás salvo, tu e tua casa." Você precisa CRER em Jesus Cristo como seu Senhor e Salvador pessoal. Para crer realmente, você precisa colocar toda sua fé e confiança em Cristo e depender somente dEle como sua única esperança de salvação e de vida eterna.

Essa é uma questão de crer no coração e você não pode fingir e enganar a Deus, pois Ele sabe tudo a seu respeito. Muitas pessoas erroneamente pensam que aceitando os fatos acerca da morte, sepultamento e ressurreição de Jesus Cristo, automaticamente receberão o dom da vida eterna. No entanto, esse não é o caso. Normalmente, os pregadores chamam isso de "conhecimento mental, mas sem aceitação no coração". A salvação é dada gratuitamente, mas somente para aqueles que creram genuinamente.

Em João 1:1,14: Vemos que Jesus Cristo é Deus, igual com Deus, presente com Deus antes do início dos tempos, e o verdadeiro criador do Universo e de tudo o que nele há. Jesus fez repetidamente essa afirmação durante seu ministério. Ele é 100% Deus e 100% humano ao mesmo tempo, e é essa a razão pela qual Ele usou ambos os títulos durante seu ministério, Filho de Deus e Filho do homem. Para nascer de novo, você precisa crer nessa doutrina acerca de Jesus Cristo.

Isaías 53:6 prediz exatamente o que Jesus Cristo fez por nós na cruz; "O SENHOR fez cair sobre ele a iniqüidade de nós todos." Glória a Deus!! Somente a sabedoria, a graça e o poder do Deus Todo Poderoso poderia conceber um Plano de Salvação tão gracioso!! A natureza de Deus exige a punição de todo pecado.

Ponto final! No entanto, Deus teve um plano por meio do qual um substituto inocente seria punido no lugar do pecador. No Antigo Testamento, Deus permitia que um cordeiro fosse o sacrifício substituto para o pecado; Jesus então se tornou o sacrifício perfeito, para todos os pecados do mundo. Seu sacrifício foi perfeito, nunca precisa ser repetido e salva todas as pessoas em todas as épocas.

Para nascer de novo, você precisa compreender e crer nesse princípio da morte substitutiva de Jesus na cruz do Calvário em seu lugar.

Agora que você compreende essas verdades, e crê nelas, precisa compreender como pode receber esse DOM GRATUITO da vida eterna por meio de Jesus Cristo. Afinal, se eu estivesse tentando lhe dar um presente GRATUITO, esse presente não se tornaria seu se você se recusasse a estender o braço e pegá-lo da minha mão. Você precisa ir até o Senhor Jesus e receber o DOM GRATUITO da Vida Eterna das mãos dEle. Como você faz isso?

Por meio da fé salvadora

Observe que eu disse fé salvadora. Existem tipos de fé que não o salvarão. Você pode entender intelectualmente os fatos sobre a pessoa de Jesus Cristo, mas essa não é uma fé salvadora. Você pode estar em uma ‘igreja‘ ou em uma seita que ensina muitas verdades sobre Jesus Cristo, mas que ensina que você precisa fazer outras coisas para ganhar sua entrada no céu. Essa também não é a fé salvadora.

Fé salvadora é confiar em Jesus Cristo e nEle somente, para sua salvação

Se você acha que precisa de algo mais do que confiar na obra de Jesus Cristo na cruz, está contrariando Efésios 2:8-9 e Isaías 53:6b. A maioria das seitas e as falsas religiões cristãs erram nesse ponto; acrescentam outras coisas que são "necessárias" para a salvação, ou oferecem um caminho falso para o céu (por exemplo, salvação por meio do batismo).

Você recebe esse maravilhoso Dom GRATUITO de Vida Eterna aceitando-o pela fé salvadora. Essa é a maior história já contada, sobre a maior oferta que já foi feita, pela maior de todas as pessoas que já viveu.

Verdadeiramente, somente um Deus sábio e gracioso poderia conceber um plano maravilhoso assim por meio do qual os homens pudessem ter seus pecados perdoados, e obter a vida eterna.

Pense nisso! Deus, por sua própria natureza, precisa punir todo pecado, mas como é misericordioso, oferece o Plano da Punição Substitutiva, por meio de Seu Filho Jesus Cristo. Historicamente, chamamos esse plano maravilhoso de Evangelho, ou Boas Novas!

Quer receber esse Dom da Vida Eterna que Jesus Cristo oferece? Se sua resposta for "Sim", pode receber imediatamente a vida eterna.

Diga consigo mesmo: Senhor Jesus hoje eu me arrependo diante do Senhor e do seu poder. Reconheço que sou pecador e preciso de sua graça em minha vida. Quero neste instante te pedir perdão por ter vivido errado e de forma pecaminosa todo este tempo que permaneci longe do Senhor. Quero também pedir perdão pelos meus terríveis pecados e renunciar toda esta maneira errada de vida para viver em novidade de vida a partir deste momento.

Eu quero recebê-lo em meu coração Senhor Jesus e fazer de Ti meu único caminho; e da sua Palavra que é a Bíblia Sagrada minha única regra de fé e prática. Neste momento eu lhe peço escreve o meu nome no livro da vida e me da abundantemente do seu Espírito Santo. Mais uma vez eu reafirmo minha confissão que o recebo em meu coração para ser meu Senhor e Único Salvador.

Creio que estou perdoado de todos os meus pecados ate este presente momento. Perdão que recebo mediante minha fé no sacrifício que fez por mim na cruz do calvário. Creio também que teu sangue me purifica de todo pecado. Obrigado Senhor.

Você podendo agora se ajoelhe e faça uma oração ao Senhor de gratidão por Ele ter te salvado. Ou se por acaso estiver em local publico procure uma igreja e uma vez nesta igreja derrame-se na presença de Deus. Pode ser um lugar também onde você possa falar em voz alta sobre sua decisão para que todo inferno saiba que agora tu és um filho de Deus, AMÉM!

|  Autor: Jânio Santos de Oliveira  |  Divulgação: EstudosGospel.Com.BR

Como Ouvir o Espírito Santo?

1. Quem é o Espírito Santo?

1.1. Ele é o consolador – Jo. 16.7. Todavia, digo-vos a verdade: que vos convém que eu vá, porque, se eu não for o Consolador não virá a vós; mas, se eu for enviar-vo-lo-ei.

1.2. Ele é Deus – At. 5.3-4 Disse, então, Pedro: Ananias, por que encheu Satanás o teu coração, para que mentisses ao Espírito Santo e retivesses parte do preço da herdade? Guardando-a, não ficava para ti? E, vendida, não estava em teu poder? Por que formaste este desígnio em teu coração? Não mentiste aos homens, mas a Deus.

1.3. é uma pessoa porque pensa – Rm. 8.27 E aquele que examina os corações sabe qual é a intenção do Espírito; e é ele que segundo Deus intercede pelos santos.

1.4 é uma pessoa porque tem vontade – I Co. 12.11 Mas um só e o mesmo Espírito opera todas essas coisas, repartindo particularmente a cada um como quer.

1.5 é uma pessoa porque fala – At. 13.1-3 Na igreja que estava em Antioquia havia alguns profetas e doutores, a saber: Barnabé, e Simeão, chamado Níger, e Lúcio, cireneu, e Manaém, que fora criado com Herodes, o tetrarca, e Saulo. E, servindo eles ao Senhor e jejuando, disse o Espírito Santo: Apartai-me a Barnabé e a Saulo para a obra a que os tenho chamado. Então, jejuando, e orando, e pondo sobre eles as mãos, os despediram.

Todas essas coisas são características de uma pessoa. O Espírito é uma pessoa divina.

2. Nomes do Espírito Santo

2.1. Espírito Santo – Rm. 14.17 porque o Reino de Deus não é comida nem bebida, mas justiça, e paz, e alegria no Espírito Santo.

2.2. Espírito de Deus – Gn. 41.38 E disse Faraó a seus servos: Acharíamos um varão como este, em quem haja o Espírito de Deus; I Jo. 4.2 Nisto conhecereis o Espírito de Deus: todo espírito que confessa que Jesus Cristo veio em carne é de Deus;

2.3. Espírito do Senhor – I SM. 10.6 E o Espírito do Senhor se apoderará de ti, e profetizarás com eles e te mudarás em outro homem.

2.4. Espírito de Cristo – I Ped. 1.11 indagando que tempo ou que ocasião de tempo o Espírito de Cristo, que estava neles, indicava, anteriormente testificando os sofrimentos que a Cristo haviam de vir e a glória que se lhes havia de seguir.

2.5. Espírito do Senhor Jeová – Is. 61.1 O Espírito do Senhor Jeová está sobre mim, porque o Senhor me ungiu para pregar boas-novas aos mansos; enviou-me a restaurar os contritos de coração, a proclamar liberdade aos cativos e a abertura de prisão aos presos.

3. Cuidados que devemos tomar em relação ao Espírito Santo

3.1. Cuidado para não entristecê-lo – Ef. 4.30 E não entristeçais o Espírito Santo de Deus, no qual estais selados para o Dia da redenção.

3.2. Cuidado para não resisti-lo – At. 7.51 Homens de dura cerviz e incircuncisos de coração e ouvido, vós sempre resistis ao Espírito Santo; assim, vós sois como vossos pais.

3.3. Cuidado para não extingui-lo – I Ts. 5.19 Não extingais o Espírito.

3.4. Cuidado para não se tornar seu inimigo. – Is. 63.10 Mas eles foram rebeldes e contristaram o seu Espírito Santo; pelo que se lhes tornou em inimigo e ele mesmo pelejou contra eles.

3.5. Andar conforme sua santidade- Gl5. 16, 25 Digo, porém: Andai em Espírito e não cumprireis a concupiscência da carne. Se vivemos no Espírito, andemos também no Espírito.

3.6. Cuidado para não ter o Espírito Santo retirado  SL 51.11 Não me lances fora da tua presença e não retires de mim o teu Espírito Santo.

4. Nossa dependência para com o Espírito Santo

4.1. Dependemos dele para orar – Rm. 8.26. E da mesma maneira também o Espírito ajuda as nossas fraquezas; porque não sabemos o que havemos de pedir como convém, mas o mesmo Espírito intercede por nós com gemidos inexprimíveis; Jd. 20 Mas vós, amados, edificando-vos a vós mesmos sobre a vossa santíssima fé, orando no Espírito Santo,

4.2. Dependemos dele para pregar – At. 1.8 Mas recebereis a virtude do Espírito Santo, que há de vir sobre vós; e ser-me-eis testemunhas tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria e até aos confins da ter

4.3. Dependemos dele em tudo – Jo. 14.26 Mas aquele Consolador, o Espírito Santo, que o Pai enviará em meu nome, vos ensinará todas as coisas e vos fará lembrar de tudo quanto vos tenho dito.

4.4. 1° Co 12.7 Mas a manifestação do Espírito é dada a cada um para o que for útil. Para edificação da igreja. Jamais para exaltação pessoal.

5. Todo crente precisa deixar o Espírito operar

5.1. Na sua vida – produzindo transformação - I SM 10.6 E o Espírito do Senhor se apoderará de ti, e profetizarás com eles e te mudarás em outro homem.

5.2. Pela sua vida – dando fortalecimento espiritual – Ef. 3.16 para que, segundo as riquezas da sua glória, vos conceda que sejais corroborados com poder pelo seu Espírito no homem interior.

5.3. Através da sua vida – capacitando-o para o trabalho do Senhor – I Ts. 1.5 porque o nosso evangelho não foi a vós somente em palavras, mas também em poder, e no Espírito Santo, e em muita certeza, como bem sabeis quais fomos entre vós, por amor de vós.

5.4 ouvir o que diz o Espírito Santo 1° TM 4.1 Mas o Espírito expressamente diz que, nos últimos tempos, apostatarão alguns da fé, dando ouvidos a espíritos enganadores e a doutrinas de demônios.

6. A Liderança do Espírito Santo

6.1 - Ele controla o crente – At. 10.19,20 E, pensando Pedro naquela visão, disse-lhe o Espírito: Eis que três varões te buscam. Levanta-te, pois, e desce, e vai com eles, não duvidando; porque eu os enviei.

6.2 - Ele guia o crente – Jo. 16.13 Mas, quando vier aquele Espírito da verdade, ele vos guiará em toda a verdade, porque não falará de si mesmo, mas dirá tudo o que tiver ouvido e vos anunciará o que há de vir.

6.3 - Ele escolhe o campo de operação – At. 16.6 E, passando pela Frígia e pela província da Galácia, foram impedidos pelo Espírito Santo de anunciar a palavra na Ásia.

6.4 - Ele orienta o crente – At. 8.29 E disse o Espírito a Filipe: Chega-te e ajunta-te a esse carro.

6.5- Ele nos faz lembrar as coisas importantes LC 12.11-12. E, quando vos conduzirem às sinagogas, aos magistrados e potestades, não estejais solícitos de como ou do que haveis de responder, nem do que haveis de dizer. Porque na mesma hora vos ensinará o Espírito Santo o que vos convenha falar.

6.6 Às vezes nos leva para sermos provados Mt4. 1 Então, foi conduzido Jesus pelo Espírito ao deserto, para ser tentado pelo diabo.

7. As obras do Espírito Santo

7.1. Ele opera o novo nascimento – Jo. 3.5-8 Jesus respondeu: Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer da água e do Espírito não pode entrar no Reino de Deus. O que é nascido da carne é carne, e o que é nascido do Espírito é espírito. Não te maravilhes de te ter dito: Necessário vos é nascer de novo. O vento assopra onde quer, e ouves a sua voz, mas não sabes donde vem, nem para onde vai; assim é todo aquele que é nascido do Espírito.

7.2. Ele regenera o pecador – Tt. 3.5,7 não pelas obras de justiça que houvéssemos feito, mas, segundo a sua misericórdia, nos salvou pela lavagem da regeneração e da renovação do Espírito Santo. Para que, sendo justificados pela sua graça, sejamos feitos herdeiros, segundo a esperança da vida eterna.

7.3. Ele Santifica o crente – Rm. 15.16 que eu seja ministro de Jesus Cristo entre os gentios, ministrando o evangelho de Deus, para que seja agradável a oferta dos gentios, santificada pelo Espírito Santo.

7.4. Ele convence o homem de seus pecados – Jo. 16.8 E, quando ele vier, convencerá o mundo do pecado, e da justiça, e do juízo:

8. Os atributos do Espírito Santo

8.1. Eternidade – Hb. 9.14 quanto mais o sangue de Cristo, que, pelo Espírito eterno, se ofereceu a si mesmo imaculado a Deus, purificará a vossa consciência das obras mortas, para servirdes ao Deus vivo?

8.2. Onipresença – Sl. 139.7-10 Para onde me irei do teu Espírito ou para onde fugirei da tua face? Se subir ao céu, tu aí estás; se fizer no Seol a minha cama, eis que tu ali estás também; se tomar as asas da alva, se habitar nas extremidades do mar, 10até ali a tua mão me guiará e a tua destra me susterá.

8.3. Onipotência – Lc. 1.35. E, respondendo o anjo, disse-lhe: Descerá sobre ti o Espírito Santo, e a virtude do Altíssimo te cobrirá com a sua sombra; pelo que também o Santo, que de ti há de nascer, será chamado Filho de Deus.

8.4. Onisciência – I Co. 2.10 Mas Deus no-las revelou pelo seu Espírito; porque o Espírito penetra todas as coisas, ainda as profundezas de Deus.

9. Os simbolos do Espírito Santo

9.1 – FOGO (Lc. 3.16) respondeu João a todos, dizendo: Eu, na verdade, batizo-vos com água, mas eis que vem aquele que é mais poderoso do que eu, a quem eu não sou digno de desatar a correia das sandálias; este vos batizará com o Espírito Santo e com fogo.

O fogo, como símbolo do Espírito representa a purificação e fala de sua grande força em relação às diversas maneiras de sua operação em corrigir os defeitos da nossa natureza decaída.

Vejamos a finalidade do Fogo:

9.1.1. O FOGO CONSOME

O fogo consome o que é combustível – “madeira, palha, e feno” (I Co. 3.13-15) a obra de cada um se manifestará; na verdade, o Dia a declarará, porque pelo fogo será descoberta; e o fogo provará qual seja a obra de cada um. Se a obra que alguém edificou nessa parte permanecer, esse receberá galardão. Se a obra de alguém se queimar, sofrerá detrimento; mas o tal será salvo, todavia como pelo fogo. Isso fala de material espúrio, usado para fazer a obra de Deus, é o trabalho feito com aquilo que é falso, o Espírito é contra tudo aquilo que é falso, tudo aquilo que não é feito para glória de Deus.

9.1.2. O FOGO LIMPA

Somente o fogo tem o poder de tirar a escória de diferentes metais. O fogo é, portanto, símbolo do poder purificador do Espírito. Aquilo que não pode ser definido e expurgado pela santidade do Espírito é destruído pelo fogo (Is. 6.1-7) Mas um dos serafins voou para mim trazendo na mão uma brasa viva, que tirara do altar com uma tenaz; 7e com ela tocou a minha boca e disse: Eis que isto tocou os teus lábios; e a tua iniquidade foi tirada, e purificado o teu pecado.

9.1.3. O FOGO DERRETE

Há materiais que se derretem em contato com o fogo, como a cera e outros. O fogo do Espírito derrete os corações endurecidos. – cf. At. 2.37-39 Ouvindo eles isto, compungiram-se em seu coração e perguntaram a Pedro e aos demais apóstolos: Que faremos varões irmãos? E disse-lhes Pedro: Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo para perdão dos pecados, e recebereis o dom do Espírito Santo.

9.1.4. O FOGO ENDURECE

Praticamente o mesmo fogo que amolece a cera endurece o barro. O ferreiro leva o aço ao fogo para amolecer e para torná-lo mais duro. O Espírito torna o crente mais brando e também mais resistente contra as adversidades que terá pela frente – cf. At. 20.23,24 senão o que o Espírito Santo, de cidade em cidade, me revela, dizendo que me esperam prisões e tribulações. Mas em nada tenho a minha vida por preciosa, contanto que cumpra com alegria a minha carreira e o ministério que recebi do Senhor Jesus, para dar testemunho do Evangelho da Graça de Deus.

9.1.5. O FOGO AQUECE

O Espírito, qual fogo, torna a nossa alma abrasada por uma ardente paixão e zelo por Deus e seu serviço – cf. Lc. 24.32,33

POMBA

“ Vi o Espírito de Deus, descendo como pomba e vindo sobre Ele” – cf. MT. 3.16, A pomba é simples – MT. 10.16 b; o Espírito também é simples, tal simplicidade ilustra a sua beleza e delicadeza. O crente guiado pelo Espírito tem a simplicidade das pombas, não procura salienta sua pessoa ou suas habilidades, porém dá toda honra e glória a Deus que tudo nos dar.

10. Vento

• Jesus disse: O vento assopra onde quer, e ouves a sua voz, mas não sabes donde vem e nem para onde vai; assim é todo aquele que é nascido do Espírito (Jo. 3.8).
• Os hebreus não indicavam com rigor a direção dos ventos, como hoje se faz; contudo reconheciam quatro ventos: o do oriente, o do ocidente, o do norte e do sul – (Jr.49.36; Ez. 37.9; Ap.7.1).
• A Bíblia diz que o Espírito veio dos 4 ventos e soprou sobre os ossos secos e eles reviveram – cf. Ez. 37.9,10.
• Pelo sopro do Espírito Santo o pecador se convence do seu pecado e aceita Cristo como Salvador, e o crente vence o pecado e se aproxima de Deus.
• O vento é o ar em movimento, na criação o Espírito se movia sobre a face das águas – cf. Gn. 1.2;
• o Espírito Santo movimenta a igreja através de seu sopro de poder – cf. At.4.31.
• Outra coisa pode constatar no vento, é que o mesmo sopra em todas as direções.
• Da mesma forma o Espírito age de muitas maneiras. No dia de pentecostes o Espírito veio sobre os discípulos como um vento impetuoso – cf. At.2.2

11. Sêlo

• O selo testifica um direito de propriedade ou a autenticidade de um documento.
• Entre os hebreus, na compra e venda de casas ou campos, era exigido o selo no translado da propriedade.
• O simples selo do comprador num documento garantia-lhe posse da propriedade – cf. Jr.32.8-15,44;
• selar significa dar segurança.
• O ato de colocar o selo somente poderia ser realizado pelo dono do objeto ou da propriedade, a fim de dar-lhe segurança.
• A Bíblia diz que nós somos propriedades de Deus, por isso Ele mesmo nos selou com o seu Espírito para o dia da redenção – cf. Ef. 1.13; II Co. 1.22.
• O selo também servia para tornar conhecido ou identificado aquilo que era selado.
• As Escrituras diz que Deus conhece os que são seus, porque sobre estes há o selo do seu Espírito – cf. II Tm. 2.19

12. Óleo

• O óleo era usado entre os antigos hebreus, era em geral fabricada dos frutos das oliveiras, que amadurecem no outono.
• Era o mesmo azeite usado para ungir a tenda da congregação, os objetos sagrados e os sacerdotes para realizarem o seu serviço.
• Com esta unção eram considerados santificados – Êx. 30.25-30.
• Nas Escrituras, o óleo aparece com um dos símbolos do Espírito Santo – cf. Zc. 4.2-6.
• e nos fala de unção. Jesus foi ungido pelo Espírito Santo – cf. Is. 6.1; Lc. 4.18, o crente em Jesus tem a unção do Santo e sabe todas as coisas – cf. I Jo. 2.20.

13. Aplicação simbólica do óleo (azeite)

a) Azeite na orelha (Lv. 14.17) – preparo para ouvir a voz de Deus. “Quem tem ouvidos ouça o que o Espírito diz às igrejas” (Ap.2.17). “Fala Senhor que o teu servo ouve”.

b) Azeite na mão (Lv. 14.17) – habilitação para o trabalho do Senhor. “Não é por força nem por violência, mas pelo meu Espírito, diz o Senhor dos Exércitos – cf.”. Zc. 4.6.

c) Azeite no pé (Lv. 14.17) – Fala de um andar santo. Andai no Espírito e não cumprireis a vontade da carne – cf Gl. 5.16.

d) Azeite no rosto (Sl 104.15) – Brilho da presença de Deus e alegria espiritual que desfruta o crente em Cristo. “Com o rosto desvendado”... Somos transformados de glória em glória... Pelo Espírito “- cf. 2 Co”. 3.18.

e) Azeite em outras vasilhas (2RS 4.4-6) – bênçãos para outras pessoas – Rm. 1.16; 5.5; I Jo. 3.16.

f) Azeite nas feridas (Lc. 10.34) – símbolo de restauração pelo Espírito Santo do Senhor – cf. Lc. 4.18

• Vale a pena lembrar que era extremamente proibido fabricar outro óleo com a mesma composição (Êx. 30.33). Ninguém pode imitar o Espírito Santo.

• Da mesma forma era proibido usar o óleo para fins alheios ao serviço sagrado (Êx. 30.25-31).

• O Espírito Santo opera exclusivamente para a glória do nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, pois o seu ministério aqui é esse, o de glorificar a Cristo.

10 coisas que o Espirito Santo faz

1° ele intercede pela igreja (RM 8.27) E aquele que examina os corações sabe qual é a intenção do Espírito; e é ele que segundo Deus intercede pelos santos.

“2° O ESPÍRITO SANTO penetra todas as coisas” (1° Co 2.10) Mas Deus no-las revelou pelo seu Espírito; porque o Espírito penetra todas as coisas, ainda as profundezas de Deus.

3° O ESPÍRITO SANTO pode ser entristecido ou ofendido magoado, desgostado: (Efésios 4.30.) E não entristeçais o Espírito Santo de Deus, no qual estais selados para o Dia da redenção.

4° O ESPÍRITO SANTO Ele reparte dons "a cada um como quer" (1° Co 12.11) Mas um só e o mesmo Espírito opera todas essas coisas, repartindo particularmente a cada um como quer.

5° O ESPÍRITO SANTO nos da força (jz 6.5-6) Desceu, pois, Sansão com seu pai e com sua mãe a Timna; e, chegando às vinhas de Timna, eis que um filho de leão, bramando, lhe saiu ao encontro. Então, o Espírito do Senhor se apossou dele tão possantemente, que o fendeu de alto a baixo, como quem fende um cabrito, sem ter nada na sua mão; porém nem a seu pai nem a sua mãe deu, a saber, o que tinha feito. (MQ 3.8) parte a Mas, decerto, eu sou cheio da força do Espírito do Senhor e cheio de juízo e de ânimo, para anunciar a Jacó a sua transgressão e a Israel o seu pecado.

6° O ESPÍRITO SANTO nos transforma (1° SM 10.6,10) E o Espírito do Senhor se apoderará de ti, e profetizarás com eles e te mudarás em outro homem. E, chegando eles ao outeiro, eis que um rancho de profetas lhes saiu ao encontro; e o Espírito de Deus se apoderou dele, e profetizou no meio deles.

7° O ESPÍRITO SANTO nos dá ousadia para falar do amor de Deus (AT 4.31) E, tendo eles orado, moveu-se o lugar em que estavam reunidos; e todos foram cheios do Espírito Santo e anunciavam com ousadia a palavra de Deus.

8° (At 9.31) cinco grandes obras do ESPÍRITO SANTO Assim, pois, as igrejas em toda a Judéia, e Galiléia, e Samaria tinham Paz e eram edificadas; e se multiplicavam, andando no temor do Senhor e na consolação do Espírito Santo.

9° O ESPÍRITO SANTO não anula nossa mente nossa razão (AT 14.13-15) Pelo que, o que fala língua estranha, ore para que a possa interpretar. Porque, se eu orar em língua estranha, o meu espírito ora bem, mas o meu entendimento fica sem fruto. Que farei, pois? Orarei com o espírito, mas também orarei com o entendimento; cantarei com o espírito, mas também cantarei com o entendimento.

10° O ESPÍRITO SANTO nos guia com a verdade (João 16.13) Mas, quando vier aquele Espírito da verdade, ele vos guiará em toda a verdade, porque não falará de si mesmo, mas dirá tudo o que tiver ouvido e vos anunciará o que há de vir.

|  Autor: Pr Sidnei Alves da Silva  |  Divulgação: EstudosGospel.Com.BR

terça-feira, 3 de janeiro de 2012

Arrependei-vos, porque é chegado o reino dos céus. (MATEUS 3:2)

Vencendo as tentações

"Não veio sobre vós tentação, senão humana; mas fiel é Deus, que não vos deixará tentar acima do que podeis, antes com a tentação dará também o escape, para que a possais suportar". - I Coríntios 10 :13.
Definimos tentação como uma atração para fazer o que é mal na esperança de obter o prazer ou o lucro, não importando as conseqüências disso.

Na luta do cristão contra o diabo, o principal campo de batalha é a tentação. Precisamos vencer o inimigo superando as tentações. Não estamos sós, contudo. Jesus tornou-se um homem, foi tentado como somos, obteve a vitória, assim mostrando como nós podemos triunfar sobre Satanás ( Hebreus 2:17-18; 4:15). É essencial, portanto, que analisemos cuidadosamente de que forma Jesus venceu.
Embora Jesus foi tentado várias vezes, ele enfrentou um teste especialmente severo logo depois que foi batizado. Lucas recorda este evento (Lucas 4:1-13), mas seguiremos a história conforme Mateus a conta: "A seguir, foi Jesus levado pelo Espírito ao deserto, para ser tentado pelo diabo. E, depois de jejuar quarenta dias e quarenta noites, teve fome" (Mateus 4:1-2). Pelo fato que foi o Espírito que levou Jesus para o deserto mostra que Deus pretendia que Jesus fosse totalmente humano e sofresse tentação. Note estas três tentativas de Satanás para seduzir Jesus.
Falar em tentação é falar em um impulso íntimo dirigido para o pecado, originado dos instintos inferiores ou da malignidade do tentador. Também podemos dizer que é a indução para o mal, por sugestões do diabo ou da sensualidade.
A verdade é que Deus, na pessoa de Jesus viveu a humanidade e proporcionou meios para que a tentação não seja maior do que qualquer ser humano possa suportá-la. Talvez o maior problema esteja em se focar a tentação e não a raiz da mesma, assim já perdendo terreno até mesmo no tratamento com a mesma.
Por mais forte que possa ser a tentação, ela não passa de uma bem engenhosa mentira proposta pelo seu arquiteto, ou seja pelo diabo.
Note que não encontramos em toda a Bíblia, algum versículo dizendo para fugirmos da tentação, no entanto, encontramos orientação para fugirmos até da APARÊNCIA DO MAL (que muitos não observam) e resistir ao diabo.
A questão do mal é uma situação tão traiçoeira, que somos orientados a fugir até mesmo de sua aparência. Não é nem do mal em si, mas da aparência - percebem ? - I Tessalonicenses 5:22.
O outro conselho é resistir AO diabo, e ele fugirá de vós - Tiago 4:7. Muitos estão resistindo ao diabo, mas se fartando com os dividendos que ele oferece, então a vida se torna bastante complicada.
Para se resistir ao diabo, existe um pré-requisito - sujeitar-se a Deus. Aqui está o fio da meada ou a chave do sucesso. Sujeição total a Deus.
Tenho certeza que você já foi tentado em algo, e tentou resistir ao pensamento, chegando à conclusão de que não funciona, pois ao se ater novamente a situação, lá estava o pensamento mais firme e forte do que antes...Isso porque resistir "pensamentos" não funciona. Só se coroa um rei, quando outro foi destronado. Só se vence um pensamento, colocando-se outro no lugar. É como você mudar de canal em sua TV. Só entra um canal, se você desistiu do outro....
Na mente está o nosso maior campo de batalhas, e é ali que se ganha ou se vence, porém, atendo-se ao verdadeiro inimigo e combatendo-o da maneira correta.
O que prende a nossa atenção, certamente nos prende. Não é assim, quando você está lendo um livro, ou assistindo a um filme ?
Temos o mando de decidir o que de fato prenderá nossa atenção. Se algo que vem de Deus ou algo que vem do inimigo.
Sujeitando-nos, portanto a Deus, Ele nos capacitará para resistirmos a coisa certa, que é o diabo, então poderemos exercer a autoridade que já nos foi outorgada pelo Senhor - (Efésios 1:21) e assim, ele - o diabo - verdadeiramente fugirá de nós com toda sua tralha, e não teremos espaço em nossa mente para nem mesmo a aparência do mal, que dirá a tentação de forma concretizada.
Isso exige de nós que sejamos praticantes e não somente ouvintes da Palavra, pois se tal acontece, enganamos a nós mesmos.
Eis por que: "O diabo tenta, mas o Senhor sustenta".
1. Encare a realidade da situação. Diga a Deus exatamente como se sente (Fp 4.6; Hb 4.16, 7.25). Ele não ficará espantado e até respeitará sua sinceridade. Foi ele quem nos criou com anseios emocionais profundos e intensos desejos físicos. Ele conhece a nossa estrutura.

2. Reconheça que a tentação é temporária.

3. Veja o que as Escrituras ensinam. A Palavra de Deus é nossa melhor defesa contra Satanás e suas artimanhas, uma das quais é encher-nos de dúvidas quanto às boas intenções de Deus para nós e fazer-nos pensar que somos exceções à sua lei. Nosso conhecimento da Palavra de Deus bem como a fé que depositamos nela nos protegem da derrota e destruição. O próprio Jesus respondeu às tentações de Satanás com a Palavra escrita. (Para saber mais sobre o plano de Deus, leia 1 Coríntios 6, 7.24, 2 Coríntios 7.1, e 1 Tessalonicenses 4.3.)

4. Resolva obedecer a Deus. Não importa a intensidade de seu desejo.

5. Não de "lugar à carne". Não se coloque voluntariamente numa situação em que terá plenas condições de liberdade e privacidade para ceder à tentação.

6. Saiba com certeza que você pode vencer as tentações. Não importa a intensidade dela, não temos que ceder. Juntamente com cada tentação, Deus nos dá um "livramento" (1 Co 10.13). Creio que esse "livramento" é o poder do Espírito Santo - o Espírito de Cristo que habita em nós. "O Cristo que conheceis não é um ser fraco, indiferente ao que se passa dentro de vós, mas é uma força que dentro de vós vem a agir formidavelmente." (2 Co 13.3) A satisfação sexual, ao contrário do que propaga o mundo, não é inevitável, nem essencial a um bom relacionamento amoroso.

7. Agradeça a Deus porque ele compreende as dificuldades por que você está passando. Ele partilha de nossa "natureza física comum", e "por virtude do Seu próprio sofrimento, sob a tentação, pode socorrer os que estão expostos à tentação". (Hb 2.14 e 18) Até mesmo o apóstolo Paulo teve que renegar a si próprio para aprender a confiar em Deus, e não em si mesmo. (2 Co 1.9.)

8. Permita que Deus restaure o seu espírito abatido. Depois da tentação de Jesus, vieram os anjos e o serviram. O mesmo aconteceu a Elias, depois de haver fugido desalentado. 0 Senhor nos abençoa da mesma forma, em nossas tentações. Não permita que Satanás o prejudique nem à pessoa que você ama com incriminações ou acusações pela tentação. Em vez disso, busque a melhor coisa de Deus (isto é, obedeça à sua vontade revelada em sua Palavra, que proíbe a infidelidade) para os dois, pois "... Deus é a resposta cabal às nossas mais profundas e ardentes aspirações". (1 Co 6.13)

9. Não procure suportar seu sofrimento sozinho. Procure uma pessoa, um amigo, um conselheiro, em quem possa confiar, e que possa ajudá-lo a entender seus próprios sentimentos, pensamentos e ações. Essa pessoa pode ajudá-lo a compreender suas reações, e auxiliá-lo a reforçar sua decisão de obedecer a Deus. "Confessai, pois, os vossos pecados uns aos outros, e orai uns pelos outros, para serdes curados." (Tg 5.16.)


10. Procure um relacionamento melhor com seu cônjuge, se é casado. Procure, de maneira ativa, consolidar bem o seu relacionamento conjugal, pois até mesmo um bom casamento pode ficar debilitado por falta de apoio emocional.




No inferno, não adianta se arrepender !!!

No inferno, não adianta pedir água

Leitor não salvo, não rejeite o Salvador, pois se você morrer em seus pecados seu clamor para todo o sempre será, "Tenho sede". Esse é o lamento do condenado eternamente. No lago de fogo o perdido sofrerá entre as chamas da ira divina por toda a eternidade. Se Cristo clamou "Tenho sede" quando padecia da ira de Deus só por três horas, qual o estado daqueles que terão de suportá-la eternamente! Quando milhões de anos tiverem se passado, mais dez milhões haverá à frente. Há uma sede perene no inferno, que não admite alívio algum. Lembre-se das pavorosas palavras do homem rico: "E, clamando, disse: Pai Abraão, tem misericórdia de mim, e manda a Lázaro, que molhe na água a ponta do seu dedo e me refresque a língua, porque estou atormentado nesta chama" (Lc 16.24). Ó, meu leitor, pense. Se a sede física extrema é insuportável mesmo quando suportada por algumas poucas horas, como será aquela sede que está infinitamente além de qualquer sede do presente, e que nunca será saciada! Não diga que é cruel da parte de Deus lidar desse modo com suas criaturas que erram. Lembre ao que ele expôs seu querido Filho, quando o pecado lhe foi imputado — seguramente, aquele que despreza a Cristo é merecedor do mais quente lugar no inferno! Dizemo-lo outra vez, Receba-o agora como seu. Receba-o como seu Salvador, e submeta-se a ele como seu Senhor.

Você já nasceu de novo?

---------- Forwarded message ----------
From: fernanda cf seixas

Você já Nasceu de Novo? (Video)

Posted: 11 Sep 2011 12:47 PM PDT
http://bisporyle.blogspot.com/2011/09/voce-ja-nasceu-de-novo-video.html?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed%3A+BispoJCRyle+%28Bispo+J.C.Ryle%29





http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=9Y48OyBQA1A#!



Narração: Bispo Renato Suheet

Leia o texto AQUI
http://bisporyle.blogspot.com/2011/06/voce-ja-nasceu-de-novo.html

Você já nasceu de novo?

J.C.Ryle

Já nasceu de novo? Essa é uma da perguntas mais importantes da vida. Jesus Cristo disse: “aquele que não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus” (João 3:3).

Não basta responder: “Pertenço à igreja; suponho que sou cristãos”. Milhares de cristãos nominais não demonstram nenhum dos sinais de terem passado pelo novo nascimento que as Sagradas Escrituras nos proporcionam, muitas delas registradas na Primeira epístola de João.

Não comente habitualmente pecados.

Primeiro, João escreveu: “Qualquer que é nascido de Deus não comete pecado” (1 João 3:9). “todo aquele que é nascido de Deus não vive pecando” (1 João 5:18, Almeida Revisada Imprensa Bíblica)

A pessoa que é nascida de novo, ou que tenha sido regenerada, não comete habitualmente pecado. Já não peca com seu coração nem com sua vontade. Provavelmente houve uma época quando não pensava se suas ações seriam pecaminosas ou não, e nem sempre sentia pesar depois de ter feito o mal. Não existiam problemas entre ele e o pecado – eram amigos – porem, o cristão autêntico odeia o pecado, foge dele, luta contra ele, o considera sua maior praga, ressente da carga de sua presença, sente quando cai debaixo de sua influência e anela livrar-se totalmente dele. O pecado já não lhe agrada e nem mesmo lhe é algo indiferente – agora veio a ser algo que odeia. Não obstante, não pode eliminar sua presença dentre de si mesmo.

Se ele afirmasse que não tem pecado, estaria mentindo (1 João 1:8). Porem, poder dizer que odeia o pecado e que o grande anseio de sua alma é não voltar a cometer nenhum pecado. Não pode impedir maus pensamentos, nem que faltas, omissões e defeitos apareçam tanto em suas palavras como em suas ações. Ele sabe que “todos tropeçamos em muitas coisas” (Tiago 3:2)

Porem, o nascido de novo pode afirmar com certeza, na presença de Deus, que essas coisas lhe causam dor e tristeza, e que sua natureza inteira não as aceita. O que diria de você o apóstolo? Nasceu de novo?

Crê em Cristo

Segundo João escreveu: “Todo aquele que crê que Jesus é o Cristo, é nascido de Deus” (1 João 5:1)

O homem que é nascido de novo, ou é regenerado, crê que Jesus Cristo é o único Salvador que pode perdoar sua alma, que é a pessoa divina designada por Deus Pai justamente para esse propósito, e fora Dele não há nenhum Salvador. Considera-se indigno. Porem tem plena confiança em Cristo, e confiando nele, crê que todos seus pecados foram perdoados. Crê que, porque aceitou a obra consumada de Cristo e a morte na cruz, é considerado justo aos olhos de Deus, e pode encarar a morte e o juízo sem temor.

Pode ter temores e dúvidas. Talvez diga às vezes que se sente como que não possuindo nada de fé. Porem, pergunte-lhe se está disposto a confiar em outra coisa em lugar de Cristo, e observe a resposta. Pergunte-lhe se está disposto a basear sua esperança de vida eterna em sua própria bondade, em suas próprias obras, em suas orações, em seu pastor ou em sua igreja, e note a resposta que dará. O que diria de ti o apóstolo? Nasceste de novo?

Pratica a justiça

Terceiro, João escreveu: “todo aquele que pratica a justiça é nascido dele.” (1:João 2:29).

O homem nascido de novo, ou regenerado, é um homem santo. Procura viver de acordo com a vontade de Deus, fazer as coisas que agradam a Deus e evitar as coisas que Deus aborrece. Deseja continuamente basear seu exemplo no exemplo de Cristo, e dar mostras de ser amigo de Jesus fazendo tudo o que Ele ordena. Sabe que não é perfeito. Percebe, com aflição, sua corrupção interior. Têm consciência de um princípio maligno dentro de si mesmo que luta constantemente contra a graça e que deseja tratar de afastá-lo de Deus. Porem não consente com esse mal, ainda que não possa impedir sua presença dentro de si.

Ainda que as vezes pode se sentir tão baixo que questiona se é ou não cristão, poderá afirmar com John Newton: “ Não sou o que devo ser, não sou o que quero ser, não sou o que espero ser no mais além; porem, ainda assim, não sou o que era, e pela graça de Deus sou o que sou” O que o apóstolo diria de você? Já nasceu de novo?

Ama aos demais cristãos

Quarto, João escreveu: “Nós sabemos que passamos da morte para a vida, porque amamos os irmãos” (1 João 3:14)

O homem que nasceu de novo tem um amor especial por todos os autênticos discípulos de Cristo. Igualmente como seu Pai nos céus, ama a todos os homens com um grande amor geral, porem tem um amor especial pelos que compartem sua fé em Cristo. Tal como seu Senhor e Salvador, ama aos piores pecadores e pode chorar por eles – mas possui um amor particular pelos que são crentes. Nunca se sente tão em casa como quando está na companhia deles. Sente que todos são membros da mesma família. São seus companheiros de armas, lutando todos contra o mesmo inimigo. São seus companheiros de viagem, viajando pelos mesmo caminho. Compreende-lhes, e eles compreendem a ele.

Eles podem ser entre si muito distintos de muitas formas: no status, na posição e nas riquezas. Porem, isso não importa. São os filhos e filhas de seu Pai e não pode menos que amar-lhes. O que João dirá de você? Nasceu de novo?

Vence ao mundo

Quinto, João escreveu: “todo o que é nascido de Deus vence o mundo” ( 1 João 5:4)

O homem que nasceu de novo não usa a opinião do mundo como sua norma com relação ao bom e ao mal. Não importa para ele ir contra a corrente das condutas, ideias e costumes do mundo. O que dizem ou fazem os demais já não lhe preocupa. Vence ao amor do mundo. Não encontra prazer nas coisas que parecem trazer felicidade à maioria das pessoas. A ele lhe parece néscias e indignas de um ser imortal.

Ama aos elogios de Deus mais que os elogios do homem. Teme ofender a Deus mais do que ofender aos homens. Não é importante para ele se o culpam ou se o elogiam, sua meta principal é agradar a Deus; o Que diria João? Já nasceu de novo?

Mantêm-se puro

Sexto, João escreveu: “Sabemos que todo aquele que é nascido de Deus não peca” (1 João 5:18)

O homem que tem nascido de novo cuida de sua própria alma. Procura não somente evitar ao pecado, mas também tudo o que possa o levar a ele. É cuidadoso de suas companhias. Sabe que as conversas ímpias corrompem o coração e que o mal é mais contagioso que o bem, assim como uma enfermidade é mais contagiosa que a saúde.  É cuidadoso quanto ao uso de seu tempo, seu desejo principal é usar ele com proveito.

Anela viver como um soldado em território inimigo – aspira usar  continuamente sua armadura e estar preparado para a tentação. É diligente em ser um homem vigilante, humilde e de oração. O que diria de ti o apóstolo? Já nasceu novamente?

A prova

Essas são as seis grandes características do cristão que nasceu de novo. Existe uma grande diferença na profundidade e claridade dessas características em distintas pessoas. Em algumas são frágeis e quase não se percebem. Em outras, são fortes, claras e inconfundíveis, de modo que qualquer um as notam. Algumas dessas características são mais visíveis que outras em cada um. Rara vez são todas igualmente evidentes em uma dada pessoa.

Porem, ainda assim, tendo tudo em conta, aqui encontramos gravadas seis características daquele que é nascido de Deus.

Como regiremos a essas coisas? Podemos, por lógica, chegar a uma só conclusão: somente os que são nascidos de novo possuem essas seis características, e os que não as tem não são nascidos de novo. Essa parece ser a conclusão a qual o apóstolo João queria que chegássemos.

Você possui essas características?


FONTE:

Todo direito de tradução protegido por lei internacional de domínio público
Tradução: Armando Marcos


Bispo J.C.Ryle | Anunciando a verdade evangélica.
Projeto de tradução de sermões, tratados e livros do bispo anglicano John Charles Ryle (1816 - 1900), mais conhecido como J.C.Ryle
Acesse em: http://www.projetospurgeon.com.br/
 

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

O valor de uma alma.

---------- Mensagem encaminhada ----------
De: FABIO SOUZA RENAUD

(...) Se algum homem tiver cem ovelhas, e uma delas se desgarrar, não irá pelos montes, deixando as noventa e nove, em busca da que se desgarrou?...Digo que maior prazer tem por aquela do que pelas noventa e nove que se não desgarraram. Assim, também, não é vontade de vosso Pai, que está nos céus, que um destes pequeninos se perca. (Mateus 18.12)

Quero compartilhar hoje algo de muitíssima importância e urgência, algo que tem mexido muito comigo nessas últimas semanas: são "as almas perdidas", e o valor que elas têm!

Esse texto mostra a importância que Cristo dá a elas, daí se tira a conhecida frase: "uma alma vale mais que o mundo inteiro". Pois o Pastor é capaz de deixar as noventa e nove salvas num aprisco e ir determinadamente atrás dessa única centézima ovelha, tamanho o valor e a importância que Ele dá às Suas ovelhas, mesmo que seja uma só que está se perdendo, Ele não mede esforços para resgatá-la.

Eu te pergunto: quanto vale uma alma? Qual valor você tem dado a elas? Quantas dezenas, centenas e até milhares ao nosso redor estão completamente perdidos, não conhecem o Evangelho, não se converteram, a luz da salvação ainda não brilhou sobre elas, estão entregues a idolatria, espiritismo, feitiçaria, ocultismo, ateísmo, enfim, estão completamente cegas, servindo os deleites e os prazeres da sua carne, enumerando pecados sucessivos que ultrapassam os céus, pessoas que estão totalmente condenadas ao inferno, que a qualquer momento podem morrer e serem imediatamente lançadas lá.

Essas pessoas que estou falando estão ao seu redor todos os dias: é seu pai, sua mãe, seus filhos, entes queridos, seu patrão, colegas de trabalho e escola, vizinhos, ou seja, todos aqueles que você tem contato, e que você sabe que apesar de muitos deles estarem bem socialmente estão perdidos espiritualmente. Eu te pergunto: quanto valor você tem dado a eles? O que você tem feito pela salvação deles?

Jesus disse que você é "sal da terra e luz do mundo", por acaso já brilhou sobre eles? Expôs o Evangelho? Intercedeu exaustivamente por suas almas? Talvez você não faça isso e os ignore dia após dia por não saber o valor que elas têm. Voce já parou para pensar que eles são almas eternas, que nunca vão morrer, que apenas o corpo vai se desfazer, mas suas almas viverão por toda eternidade e aqueles que estiverem sem Cristo perecerão no tormento eterno, no lago de fogo, sofrendo a ira de Deus.

Meu Deus, eles são indivíduos, têm coração, sentimentos, vontade, assim como nós, devem receber o mesmo valor por suas almas que damos a nossa. Você já imaginou que a eternidade nunca tem fim? Pense no seu patrão, amigo, vizinho, se morrer agora e for para o inferno, ele nunca mais sairá de lá, mesmo que você queira tirá-lo, que orasse por ele, mesmo que ele tente sair, ele jamais conseguirá. Não estou dizendo mil anos, ou um milhão de anos, ou até um bilhão, estou dizendo: para sempre, todo o sempre, um tempo infinito de castigo e sofrimento.

Que coisa terrível! Como você vai conviver com isso: se você estiver vivo e souber que eles morreram e foram condenados e você não fez nada por isso? Já passou por sua cabeça que pode ser a sua mãe a próxima vítima de amanhã? Ou seu pai? Ou seus filhos? E quanto aos familiares idosos? Podem ir a qualquer momento e voce sabe que se eles forem agora a maioria não irá com Cristo.

Reflita: como seria sua vida desse dia para frente sabendo que você estaria vivo, aqui e agora, mas que sua mãe ou pai ou amigos estariam exatamente nesse momento no inferno? Eles estarão lá amanhã, depois de amanhã, daqui um mês, um ano, dez, e assim por diante. Você vai estar vivo sabendo que eles foram para o inferno e sabendo que você não fez nada ou fez muito pouco para a salvação deles. Como você vai ter alegria de viver? Fazer projetos? Como você vai conseguir comer um bife, sabendo que naquele momento que você está comendo sua mãe está no inferno e que nunca mais sairá de lá? Que tragédia tal descrição, mas esta é a mais pura realidade e está acontecendo diariamente em nosso meio!

Você viu a grande responsabilidade que nós temos? E quais as consequências de omitirmos o Evangelho, de deixarmos de pagar um preço violento e intenso pela salvação das almas, agora te pergunto: quantos ao nosso redor já não foram embora? O sangue dessas almas vai nos ser cobrado, veja o que Ezequiel diz: "Quando eu disser ao ímpio: Certamente morrerás; e tu não o avisares, nem falares para avisar o ímpio acerca do seu mau caminho, para salvar a sua vida, aquele ímpio morrerá na sua iniquidade, mas o seu sangue, da tua mão o requererei". (Ez 3.18).

Mediante tais declarações eu quero te conclamar: pregue o Evangelho, por favor, a todos que estão a sua volta, eu disse "todos": pessoas na escola, trabalho, vizinhos, comerciantes, todas as quais você se relaciona e convive, não desperdice nenhuma oportunidade, pregue em tempo e fora de tempo. E quanto aos familiares, ah...nossos familiares, meu Deus do céu, todos eles têm que estar conosco na glória, têm que ser salvos, pague um preço descomunal por eles, pregue a eles querendo eles ou não, ore, jejue, sinta dores de parto por eles até que se convertam. Não desista de nenhum deles, enquanto estiverem vivos há esperança para sua salvação.

Eu tenho certeza que fazendo assim e se esforçando, você livrará centenas e até milhares delas da condenação. Esse é o valor que temos que dar as almas: um valor eterno.

Mudemos nossa concepção acerca das pessoas, deixemos de tratá-las como meros indigentes e sim como almas valiosíssimas, pessoas que valem mais que o mundo inteiro. Aliás, sabe qual seu preço? Sabe qual o seu valor? Cristo é o seu preço. Uma alma vale tanto que não tinha na Terra algo suficiente para pagar por ela, a moeda teve que vir do céu e não foi qualquer coisa do céu: anjos, arcanjos ou querubins, foi o próprio Filho de Deus que desceu e se entregou por ela, esse é o valor que tem uma alma.

Vá agora. Pregue o Evangelho e rogue pela salvação das preciosas almas, e assim seja.

Pr. Paulo Junior

Ao lado de Deus seremos vencedores!

---------- Mensagem encaminhada ----------
De: Luiz Alberto Araujo Bezerra

 Quem é Satanás?
R. Satanás é o pai da mentira, o príncipe das trevas e o deus deste século

De que ele é capaz?
R. Ele é capaz, de transformar-se em um anjo de luz. Não é, pois, para admirar que o próprio Satanás se transforme num anjo de luz. (2 Coríntios 11:13,14).

Satanás é um anjo de luz?
R. ele não é mais um anjo de luz, como muitos supõem.

O que Satanás faz com o entendimento das pessoas?
R. Satanás cega o enten­dimento dos homens para que não possam ver o amor de Deus, a glória e majestade de Jeová, nem o seu Redentor Jesus Cristo (2 Coríntios 4:4).

Para onde estão caminhando os que são cegados por Satanás?
R. O povo, cego pelo deus deste século, não pode ver que está caminhando apressadamente para a eterna destruição, para o lago que arde com fogo e enxofre.

Qual é a situação das pessoas cegadas por Satanás?
R. Estão mortos para Deus e são governados pelo deus deste século (Efésios 2:2).

Para que Jesus se manifestou neste mundo?
R. "Para isto o Filho de Deus se manifestou: para destruir as obras do diabo" (l João 3:8).

O que acontece quando nos sujeitamos a Deus?
R. Portanto., "sujeitai-vos, pois, a Deus. Resisti ao diabo e ele fugirá de vós. Chegai-vos a Deus, e Ele se chegará a vós" (Tiago 4:7-8).

O que acontece se dissermos que não temos pecado?
R. "Se dissermos que não temos pecado nenhum, enganamo-nos a nós mesmos, e não há verdade em nós" (l João 1:8-10).

O que devemos fazer?
R. Humilhe-se debaixo da potente mão de Deus, para que Ele possa perdoar os seus pecados e limpá-lo no precioso sangue de Jesus Cristo.

Por que devemos nos achegar a Deus e o seu Filho Jesus Cristo?
R. Clame a Deus, que o livrará por Jesus Cristo, pois Ele veio a este mundo a fim de salvar os pecadores, abrir os olhos aos cegos e tirar-nos das trevas, bem como tirar as trevas de dentro de nós. Ele veio para nos trazer a sua maravilhosa luz. Jesus veio para nos livrar do poder do pecado e de Satanás. Por Ele temos a redenção dos nossos pecados.

Podemos esconder alguma coisa de Deus?
R. "Aquele que fez o ouvido, não ouvirá? E o que formou o olho, não verá?" (Salmo 94:9).
"Os seus olhos estão sobre os caminhos dos homens; Ele vê todos os seus passos. Não há trevas nem sombra de morte, onde se escondam os que praticam a iniqüidade" (Jó 34:21-22).
"Pois os olhos do Senhor passam por toda a terra, para mostrar-se forte para com aqueles cujo coração é perfeito para com Ele" (2 Crônicas 16:9).

Quem é considerado bem-aventurado por Deus?
R. "Bem-aventurado aquele cuja transgressão é perdoada, e cujo pecado é coberto. Bem-aventurado o homem a quem o Senhor não atribui pecado, e em cujo espírito não há engano" (Salmo 32:1-5).

Qual é o convite que Jesus nos faz?
R. "Vinde a mim todos os que estais cansados e sobrecarregados e eu vos aliviarei" (Mateus 11:28).

O que Deus nos diz através do profeta Jeremias?
R.  "Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e incorrigível. Quem o conhecerá?" (Jeremias 17:9).

Como Jesus confirma as palavras de Jeremias?
R. dizendo: "Pois do interior do coração dos homens saem os maus pensamentos, os adultérios, as prostituições, os homicídios, os furtos, a avareza, as maldades, o engano, a lascívia, a inveja, a blasfêmia, a soberba, a loucura. Todos estes males procedem de dentro, e contaminam o homem" (Marcos 7:21-23).
Quem foi Satanás e por que ele tornou-se mal?
R. Lúcifer, o querubim ungido uma vez, portador da luz de Deus, um anjo de Deus, caiu por causa do orgulho e tornou-se inimigo de Deus - Satanás, - (Isaías 14:8-17; Ezequiel 28:12-17).

Como algumas pessoas mostram orgulho?
R. Alguns se orgulham das suas riquezas, da sua educação superior e por se vestir conforme a moda — embora por vezes sem pudor nem vergonha. Outros orgulham-se de seus antepassados, da sua nacionalidade, da sua cultura, do esporte, etc.,

De que estas pessoas se esquecem?
R. de que Deus resiste aos soberbos, mas dá graça aos humildes (l Pedro 5:5.) "A soberba precede a ruína" (Provérbios 16:18),

Por que os dias de hoje estão parecido com os dias de Sodoma e Gomorra?
R. Devido o aumento da concupiscência carnal, imoralidade, formicação, adultério. Este espírito moderno não somente tem agarrado homens e mulheres incrédulos, mas tem penetrado até nos lares de pessoas religiosas e nas escolas.

Esta semente corrupta é semeada sem vergonha e com maneiras sutis e diabólicas nos corações humanos por intermédio de que?
R do cinema, do teatro, da literatura imunda, da televisão e de tantos outros meios.

O que Deus chama pecado o que é chamado hoje?
R. chama-se hoje moralidade moderna.

Milhões de jovens formam a sua concepção da vida ideal de que modo?
R.  por aquilo que vêem no cinema e lêem nos romances.

Depois o que acontece com eles?
R. depois se encontrarem em dificuldades, vergonha, remorso.

Quem são os heróis dessa atual geração?
R. Atores e atrizes imorais são os heróis e heroínas desta atual geração.

Quem não é mais exemplo para os jovens atuais?
R. Heróis de Deus como José (Gênesis 39) e outros, já não são exemplos a ser seguidos.

Qual a advertência que Deus nos dá com relação à fornicação?
R. "Fugi da prostituição. Todo o pecado que o homem comete, é fora do corpo, mas o que se prostitui peca contra o seu próprio corpo. Ou não sabeis que o nosso corpo é santuário do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente cie Deus? Não sois de vós mesmos?" (l Coríntios 6:18-19).

O que Deus fará se destruirmos o seu santuário, que é nosso corpo?
R. "'Se alguém destruir o santuário de Deus, Deus o destruirá.

O santuário de Deus é o que?
R. o santuário de Deus, que sois vós, é sagrado" (l Coríntios 3:17).

O que faz uma pessoa de mente pecaminosa?
R.  devora toda a sugestão imunda, tais como expressões feias, quadros imorais, ou literatura imoral.

Como muitos tem profanado o seu corpo?
R. por comida imunda e hábitos pecaminosos, tal como fumar, mascar tabaco, ou o uso de ópio ou outros narcóticos. O hábito de fumar tem se arraigado nos homens e nas mulheres como nunca.

Só quem pode libertar o homem do vício é quem?
R. Só o poder de Deus pode libertar tais vítimas do cigarro, do álcool, das drogas em geral e de ser escravos de Satanás.

Pra que nós comemos?
R. Comemos para viver, e não vivemos para comer.

Quem também é abominável para Deus?
R. O comilão

Como a fome é satisfeita, mas o que acontece com a concupiscência?
R. A fome satisfaz-se por comer boa comida, mas a concupiscência diz: "mais, mais, mais." A concupiscência nunca se satisfaz.

Segundo a Lei o que acontecia com o comilão e o beberão?
R. o comilão e o beberrão deviam ser apedrejados (Deuteronômio 21:18-21).

O que acontece com o comilão e o beberão?
R. "Pois o beberrão e o comilão cairão em pobreza, e a sonolência cobrirá de trapos o homem" (Provérbios 23:11).

O companheiro do comilão envergonha quem?
R. Mas o companheiro dos comilões envergonha a seu pai" (Provérbios 28:7).

O que Deus diz claramente em sua Palavra?
R. que nenhum beberrão herdará o reino dos céus. "Ai dos que são poderosos para beber vinho, e valentes para misturar bebida forte" (Isaías 5:22).
"Ai daquele que dá de beber ao seu companheiro, que lhe chega o seu odre, e o embriaga, para ver a sua nudez" (Habacuque 2:15).
"Não sabeis que os injustos não hão de herdar o reino de Deus? Não erreis: nem impuros, nem idolatras, nem adúlteros, nem efeminados, nem sodomitas, nem ladrões, nem avarentos, nem bêbados, nem maldizentes, nem roubadores herdarão o reino de Deus" (l Coríntios 6:9-10).
"As obras da carne são bem conhecidas, as quais são: prostituição, impureza, lascívia, idolatria, feitiçarias, inimizades, porfias, ciúmes, iras, pelejas, dissensões, facções, invejas, bebedices, orgias, e. coisas semelhantes a estas, acerca das quais vos declaro, como já antes vos preveni, que os que cometem tais coisas não herdarão o reino de Deus'' (Gaiatas 5:19-21).

De que devemos nos encher?
R. "E não vos embriagueis com vinho, em que há devassidão, mas enchei-vos do Espírito" (Efésios 5:18).

Qual é o convite que é feito para todos?
R. "Se alguém tem sede, venha a mim e beba" (João 7:37-38).
"Vós todos os que tendes sede, vinde às águas, e os que não tendes dinheiro vinde, comprai e comei; sim, vinde e comprai, sem dinheiro e sem preço vinho e leite" (Isaías 55:1).


O que acontece com quem bebe da água que Jesus dá?
"Mas aquele que beber da água que eu lhe der nunca mais terá sede. Deveras, a água que eu lhe der se fará nele uma fonte de água que jorre para a vida eterna" (João 4:14)

Por que os desejos do preguiçoso mata?
R. "O desejo do preguiçoso o mata, porque as suas mãos recusam-se a trabalhar" (Provérbios 21:25-26).

Jesus disse que temos de fazer esforço para entrar onde?
R."Esforçai-vos por entrar pela porta estreita" (Lucas 13:24).

O que Deus está nos dizendo hoje?
R. "Hoje se ouvirdes a sua voz, não endureçais os vossos corações, como no dia da tentação no deserto" (Hebreus 3:7-8).

Por que devemos tomar nossa decisão hoje?
R. Porque o dia de amanhã não nos pertence.

Qual foi a advertência que Deus deu a nação de Israel em Deuteronômio 18:10-12?
R. "Não haja no teu meio quem faça passar pelo fogo o filho ou a filha, nem adivinhador, nem prognosticador, nem agoureiro, nem feiticeiro, nem encantador, nem necromante, nem mágico, nem quem consulte os mortos. O Senhor abomina todo aquele que faz essas coisas" .

Quem ficará de fora da Nova Jerusalém?
R. "Ficarão de fora os cães, os feiticeiros, os adúlteros, os homicidas, os idolatras, e todo aquele que ama e pratica a mentira'' (Apocalipse 22:15).

Com que não devemos nos contaminar?
R. "Não vos voltareis para os médiuns, nem para os feiticeiros, a fim de vos contaminardes com eles. Eu sou o Senhor vosso Deus" (Levítico 19:31).

O que Deus nos orienta em Isaías 8:19-20
R. "Quando vos disserem: Consultai os médiuns e os feiticeiros, que chilreiam e murmuram entre dentes, respondei: Acaso não consultará um povo a seu Deus? Acaso a favor dos vivos se consultarão os mortos? À Lei e ao Testemunho! Se eles não falarem segundo esta palavra, nunca verão a alva" .

Deus nos chama pra que?
R. chamando-o ao arrependimento dos seus pecados e a uma entrega da sua vida a Ele.

Jesus veio para fazer o que com relação a morte?
R.Cristo veio para libertar todos aqueles que pelo medo da morte têm sido escravos durante toda a vida. (Hebreus 2:14-15.)

O que tem governado o coração de muitos homens, e isso tem levado a que?
R. O ódio, a ira e o mau gênio governam muitas vezes o coração do homem, até conduzi-lo ao assassínio.

Que conselho nos dá o salmista?
R. "Deixa a ira, e abandona o furor; não te indignes para fazer o mal" (Salmo 37:8).

O que devemos afastar de nosso coração?
R. "Afasta, pois, a ira do teu coração" (Eclesiastes 11:10). ''Agora, porém, despojai-vos também de tudo: da ira, da cólera, da malícia, da maledicência, das palavras torpes da vossa boca" (Colossenses 3:8).

Qual foi o conselho que Jesus nos deu?
: 'Amai os vossos inimigos."" Deus prometeu perdoar os nossos pecados se perdoarmos àqueles que pecam contra nós.

O que tem feito o ciúme e a inveja?
R. têm destruído a felicidade do coração de outras pessoas, ao vê-las felizes e vivendo confortavelmente.

O que a Bíblia diz sobre o amor ao dinheiro?
R. é a raiz de todos os males, (l Timóteo 6:10.)

Qual o conselho dado por Jesus?
R. "Não ajunteis tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem destroem e onde os ladrões arrombam e roubam. Mas ajuntai tesouros no céu, onde nem a traça nem a ferrugem destroem e onde os ladrões não arrom­bam nem roubam. Pois onde estiver o vosso tesouro, aí estará também o vosso coração" (Mateus 6:19-21).

O que aconteceu com Acã e sua casa, e com Judas devido serem ladrões?
R. Acã e sua casa pereceram porque e!e amou o ouro, a prata, as pedras preciosas, e vestidos (Josué 7). Judas Iscariotes, o discípulo de Jesus, enforcou-se porque o amor ao dinheiro fez com que traísse o seu Mestre e Senhor.

O que pode acontecer com quem quer dinheiro sem trabalhar?
R. O desejo de ser rico sem trabalhar conduz ao roubo e ao crime e, por vezes, ao homicídio.

O amor ao dinheiro e a avareza têm muitos amigos, quais?
R. o amor à fama e ao poder, seja poder político para governar outros ou poder financeiro a fim de oprimir os pobres; seja poder religioso, que pretende ser mais zeloso por uma organização eclesiástica do que propriamente por Deus, condenando qualquer cristão que ousa seguir a Cristo sem se conformar a uma igreja em particular. (Marcos 9:38).

Acautelai-vos e guardai-vos da avareza, por que?
R. Jesus disse: a vida de um homem não consiste na abundância dos bens que ele possuí" (Lucas 12:15).

Qual foi a pergunta que Jesus fez para os que querem ganhar o mundo inteiro, e não se importam com Deus?
R. '"Que aproveitaria ao homem ganhar o mundo todo, e perder a sua alma?" (Marcos 8:36).

Como Jesus mostrou que é loucura está preocupado em ser rico demais?
R. "O campo de um homem rico produziu com abundância. Então ele arrazoava consigo mesmo, dizendo: Que farei? Não tenho onde recolher os meus frutos. E disse: Farei isto: Derrubarei os meus celeiros e edificarei outros maiores, e aí recolherei todo o meu produto e todos os meus bens. Então direi à minha alma: Alma, tens em depósito muitos bens para muitos anos; descansa, come, bebe e folga. Mas Deus lhe disse: Louco, esta noite te pedirão a tua alma. Então o que tens preparado, para quem será? Assim é aquele que para si ajunta tesouros e não é rico para com Deus" (Lucas 12:16-21).

O que devemos buscar em primeiro lugar?
R. "Não estejais apreensivos pela vossa vida, sobre o que comereis, nem pelo corpo, sobre o que vestireis... Buscai antes o reino de Deus, c todas estas coisas vos serão acrescentadas... Pois onde estiver o vosso tesouro, aí estará também o vosso coração" (Lucas 12:22-34).

O que Jesus disse sobre Satanás?
R. "Ele foi homicida desde o princípio, e não se firmou na verdade, pois não há verdade nele. Quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, pois é mentiroso e pai da mentira" (João 8:44).

De que forma há mentiras?
R. Há mentiras faladas, escritas e praticadas.

Um hipócrita é na verdade o que?
R. Um hipócrita é um mentiroso, porque pretende ser o que, na realidade, não é. Deus não pode mentir - nem deve o cristão mentir (Tito 1:2).

Se andarmos nas trevas, não estamos praticando o que?
R. "Se dissermos que temos comunhão com Ele, e andarmos nas trevas, mentimos, e não praticamos a verdade" (l João 1:6).

Quais as seis coisas que Deus odeia?
R. Estas seis coisas o SENHOR odeia, e a sétima a sua alma abomina: Olhos altivos, língua mentirosa, mãos que derramam sangue inocente, O coração que maquina pensamentos perversos, pés que se apressam a correr para o mal, A testemunha falsa que profere mentiras, e o que semeia contendas entre irmãos. (Provérbios 6:16-19).


Por que a mente de muitas pessoas fica sega e endurecida?

R. por ser apóstata, dando ouvidos a espíritos enganadores e a doutrinas de demônios, pela hipocrisia de homens que falam mentiras, (l Timóteo4:l-7; Hebreus 10:22).

O que Deus odeia o que ele ama e o que ele deseja?
R. Enquanto Deus odeia o pecado, Ele ama o pecador e não deseja a sua morte, mas que se arrependa.

O Espírito Santo convence o homem de que?
R. o Espírito da Verdade, que convence do pecado, da justiça e do juízo.

O que devemos fazer, e o que Deus nos promete?
R. "Crede no Senhor Jesus Cristo e sereis salvos.'" Deus está ansioso para salvá-lo, e promete transformar o seu coração e dar a você um coração novo e um espírito novo.

A Palavra de Deus é o que que?
R. a Palavra de Deus, que "é viva e eficaz, e mais cortante do que qualquer espada de dois gumes, e penetra até ao ponto de dividir alma c espírito, juntas e medulas, e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração" (Hebreus 4:12).

A Palavra de Deus faz-nos lembrar o que?
R.  que "o salário do pecado é a morte", e que "aos homens está ordenado morrer uma só vez, vindo depois disso o juízo" (Hebreus 9:27). A porção do pecador e do descrente será no "lago de fogo e enxofre" (Apocalipse 20:10).

Quando a luz da palavra de Deus entra em nosso coração, o que acontece?
R. as trevas tem que sair. Portanto, permita que Jesus, a Luz do mundo, entre no seu coração. Jesus Cristo disse: "Eu sou a luz do mundo. Quem me segue não andará em trevas, mas terá a luz da vida" (João 8:12).

Você nunca será capaz de expulsar o que?
R.  as trevas do seu coração pelos seus esforços, pela sua sabedoria, nem ainda pela sabedoria humana.

A maneira mais simples, mais segura, mais rápida e a única maneira de vencer, são fazendo o que?
R.  é deixar a Luz de Deus entrar e as trevas, os nossos pecados, fugirão.

O seu coração foi destinado a ser uma Casa de Deus, o Templo de Deus. Ele deseja morar nele; portanto devemos fazer o que?
R. encher de luz, de amor, de alegria, tornando-o belo. Jesus não veio somente para perdoar os nossos pecados, mas para nos livrar do poder e domínio do pecado. "Se o .Filho vos libertar, verda­deiramente sereis livres" (João 8:36).

O grande amor de Deus manifestado em Cristo comove o nosso coração, especialmente quando nos recordamos o que?
R.  que Jesus Cristo, o Filho de Deus, veio para receber em si o castigo dos nossos pecados, e que Ele morreu ocupando o nosso lugar.

O amor e a paz de Deus entram no nosso coração quando?
R.  quando começamos  a entender que "o sangue de Jesus Cristo, seu Filho, nos purifica de todo pecado" (l João 1:7).

Deus está perto de quem?
R. "Perto está o Senhor dos que têm o coração quebrantado" (Salmo 34:18).

Para quem Deus olha?
R. "E para este que olharei: para o humilde e contrito de espírito, e que treme da minha palavra" (Isaías 66:2).

O que Jesus fez?
Jesus na verdade, "tomou sobre si as nossas enfermidades, e as nossas dores levou sobre si... Mas ele foi ferido pelas nossas transgressões, e moído pelas nossas iniqüidades...

O que Deus fez cair sobre Jesus?
R. e o Senhor fez cair sobre ele a iniqüidade de nós todos" (Isaías 53:4,5,6).

Nosso coração era antes escuro e sujo, mas agora está como?
R. agora está limpo e alvo como a neve, pelo sangue de Jesus. (Isaías 1:18.)

O que o Espírito Santo testifica com o nosso espírito?
R. que fomos perdoado, e pela graça nos tornamos um filho de Deus. (l Coríntios 6:10-11).

Em Jesus nós temos o que?
R. "temos a redenção pelo seu sangue, a remissão dos pecados, segundo as riquezas da sua graça" (Efésios 1:7).

Os desejos pecaminosos já cederam lugar a que?
R. a uma vontade profunda de viver para Deus e servir a quem primeiramente nos amou. Em vez de amar o mundo e as coisas que são do mundo, agora ama a Deus e as coisas de Deus.

Qual o aviso que Jesus nos dá?
R. Jesus nos avisa para vigiar e orar, a fim de resistir ao diabo.

O cristão achou o que, e se vangloria em que, e por que?
R. cristão que achou perfeita paz e redenção pelo sacrifício de Cristo, e que portanto não se vangloria, a não ser na cruz de nosso Senhor Jesus Cristo., pela qual o mundo está crucificado para ele e ele para o mundo. (Galatas 6:14.)

O que Jesus fez na cruz?
R. "Ele mesmo levou em seu corpo os nossos pecados sobre o madeiro, para que, mortos para os pecados, pudéssemos viver para a justiça; pelas suas feridas fostes sarados" (l Pedro 2:24).

Somos instados a fazer o que?
R. . Somos instados a andar no Espírito e a não seguir as concupiscências da carne. (Galatas 5:16-25.)

Será que todos que chamam Jesus de Senhor entrarão no Reino do céu? Quem somente entrará?
R."Nem todo o que me diz Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus'" (Mateus 7:21).

O que a humanidade, regra geral quer receber de Deus, mas a que não quer se submeter?
R. A humanidade, regra geral, está ansiosa por receber todas as bênçãos de Deus; tanto a chuva como o sol; porém, não quer submeter-se ao governo de Deus.

O que Jesus falou sobre confessar ele perante os homens?
R."Portanto, todo aquele que me confessar diante dos homens, eu o confessarei diante de meu Pai que está nos céus. Mas todo aquele que me negar diante dos homens, eu o negarei também diante de meu Pai que está nos céus'" (Mateus 10:32-33).

O que Jesus falou sobre a cruz?
R. "E quem não toma a sua cruz, e não vem após mim, não é digno de mim" (Mateus 10:38).

O que Jesus disse para os que o amam?
R."Se alguém me amar, guardará a minha palavra, Meu Pai o amará, c viremos para ele, e nele faremos morada" (João 14:23).

O que produz o coração do cristão?
R. produz o fruto do Espírito, o qual se manifesta em amor, alegria, paz, humildade, tolerância, bondade, fé, mansidão, temperança e outros, os quais são agradáveis a Deus e aos homens.

Qual o segredo de produzirmos o fruto do Espírito?
R. é estarmos em Cristo e Cristo e as suas palavras em nós. (João 15:1-10.)

O que acontece com quem está cheio do Espírito Santo?
R. . está cheio do Espírito Santo e batizado por Ele, tem poder para vencer a carne e as suas concupiscências, e crucificar o velho homem.

O que é que vence o mundo?
R. a fé em Jesus Cristo é a vitória que vence o mundo.

Por que os puros de coração são bem aventurados?
R. "Bem-aventurados os puros de coração, porque eles verão a Deus" (Mateus 5:8).

Qual é a oração que devemos sempre fazer a Deus?
R. : "Cria em mim, ó Deus, um coração puro, e renova em mim um espírito reto" (Salmo 51:10).

O que Deus prometeu nos dá?
R."Dar-vos-ei um coração novo, e porei dentro em vós vim espírito novo... porei dentro cm vós o meu Espírito, e farei que andeis nos meus estatutos, e guardeis os meus juízos c os observeis" (Ezequiel 36:25-27).

De que modo Deus usa os anjos para nos ajudar? E ao redor de quem eles acampam?
R. Os anjos são designados por Deus para ministrar àqueles que hão de herdar a vida eterna, e o anjo do Senhor acampa-se ao redor dos que o temem. (Salmos 34:7; 91:11; Daniel 6:22; Mateus 2:13; 13:19; 18:10; Atos 5:19; 12:7-10.)

Qual é a razão de sempre vigiarmos e orarmos?
R. temos que vigiar e orar, porque "'o vosso adversário, o diabo, anda em derredor, rugindo como leão, buscando a quem possa tragar" (l Pedro 5:8).

Se resistirmos ao Diabo, e nos achegarmos a Deus, o que acontecerá?
R. se resistirmos ao diabo, ele fugirá de nós. (Tiago 4:5.)

Que conselhos nos deu Jesus e os apóstolos?
R. "Vigiai e orai, para que não entreis em tentação" (Mateus 26:41).
"Aquele, pois, que pensa estar em pé, cuida para que não caia" (l Coríntios 10:12).
Temos que nos revestir de toda armadura de Deus, "para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo" (Efésios 6:11).

O que acontece quando o cristão deixa de vigiar e é dominado pelo Diabo?
R. "Quando o espírito imundo sai do homem, anda por lugares seco-s, buscando repouso, e não o acha. Então diz: Tornarei para minha casa donde saí. Chegando, acha-a varrida e adornada. Então vai, e leva consigo outros sete espíritos piores do que ele e, entrando, habitam ali. E o último estado desse homem é pior do que o primeiro" (Lucas 11:24-26).

Como Pedro comparou as pessoas que deixam Deus para voltar para o mundo?
R. ""Deste modo sobre veio-lhes o que diz este provérbio verdadeiro: O cão voltou ao seu próprio vômito, e a porca lavada voltou a revolver-se na lama" (2 Pedro 2:22).

Como muitos passam a agir?
R. Já não se sente envergonhado por persistir no pecado. Satanás já veio reinar no seu coração e sentou-se como rei no seu trono. E possível que ainda se possa gabar de ser respeitável e bem educado perante os outros, de ter aparência de religioso, mas é como um sepulcro branco por fora, mas que por dentro está cheio de ossos de mortos e de toda a imundície. (Mateus 23:27.)

Como morria os que quebravam a lei de Moisés? E como morrerá os que rejeitam a Jesus?
R."Todo aquele que quebrava a lei de Moisés, morria sem misericórdia, só pela palavra de duas ou três testemunhas. De quanto maior castigo cuidais vós será julgado merecedor aquele que pisar o Filho de Deus, e tiver por profano o sangue da aliança com o qual foi santificado, e ultrajar o Espírito da graça?" (Hebreus 10:28,29; cf. 2 Pedro 2:1-4).


Por que o Espírito Santo abandona o coração do homem que volta ao pecado?
R. o pecado e o Espírito Santo não podem viver juntos. É impossível ao coração servir de templo de Deus e de covil de Satanás ao mesmo tempo.

O que Deus é capaz de fazer por um pecador que se arrepende?
R. Ele é capaz de salvar até o último momento, e de perdoar todos os pecados, se vier num espírito de verdadeiro arrependimento. Ele pode prender o diabo e todos os seus exércitos das trevas e lançá-lo fora do coração, se você estiver pronto a deixá-lo fazer.

Como agem muitas que caíram no pecado novamente?
R. Pois este, igual ao filho pródigo, quando chegou ao ponto de desejar encher o seu estômago com as bolotas que os porcos comiam e ninguém lhe dava nada, tornando a si, disse:
"Levantar-me-ei, e irei ter com meu pai, c dir-lhe-ei: Pai, pequei contra o céu e perante ti. Já não sou digno de ser chamado teu filho... Quando ainda estava longe, viu-o seu pai, e se moveu de íntima compaixão e, correndo, lançou-se-lhe ao pescoço e o beijou" (Lucas 15:18-20).

O que acontecerá com os que continuam endurecendo o coração?
R. Se continuar endurecendo o seu coração e amando as trevas em vez da luz, não haverá esperança nem ajuda; porque você está escolhendo a morte em lugar da vida. "Pois o salário do pecado é a morte" (Romanos 6:23).

Qual a advertência que a Bíblia Sagrada nos dá?
R.  ''horrenda coisa é cair nas mãos do Deus vivo" (Hebreus 10:31).

O que Jesus vai dizer para todos que lhe rejeitaram?
R. : "Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o diabo e seus anjos"" (Mateus 25:41).

Para quem já teve oportunidade e não aceitou Jesus enquanto tinha vida, terá ainda alguma chance depois da morte?
R. "E, como aos homens está ordenado morrer uma só vez, vindo depois disso o juízo" (Hebreus 9:27).

O que todos nós devemos fazer?
R. PORTANTO nós também, pois que estamos rodeados de uma tão grande nuvem de testemunhas, deixemos todo o embaraço, e o pecado que tão de perto nos rodeia, e corramos com paciência a carreira que nos está proposta,Olhando para Jesus, autor e consumador da fé, o qual, pelo gozo que lhe estava proposto, suportou a cruz, desprezando a afronta, e assentou-se à destra do trono de Deus. (Hebreus 12:1,2)


Por que o cristão vigilante não é enganado?
R. cristão vigilante reconhece o pecado sob qualquer disfarce, ainda mesmo como um anjo de luz, pois a palavra de Deus e o Espírito de Verdade conduzem-no em toda a verdade.

Por que o cristão deve ser alegre mesmo sendo perseguido?
R."Bem-aventurados sois vós, quando vos injuria­rem c perseguirem e, mentindo, disserem todo o mal contra vós por minha causa. Regozijai-vos e alegrai --vos, porque grande é o vosso galardão nos céus" (Mateus 5:11-12).

O que é que tenta nos separar do amor de Deus?
R. O pecado, a nossa carne e o diabo tentam constan­temente separar o cristão do amor de Deus.

Alguma coisa podia separar Paulo do amor de Deus? O que Paulo disse que somos?
R. 'Quem nos separará do amor de Cristo? A tribulação, ou a angústia, ou a perseguição, ou a fome., ou a nudez, ou o perigo, ou a espada?... Mas em todas estas coisas somos mais do que vencedores, por aquele que nos amou" (Romanos 8:37).

Qual foi a promessa que Jesus fez aos vencedores?
R. "Ao que vencer, dar-lhe-ei a comer da árvore da vida, que está no paraíso de Deus.''
"O que vencer, de modo algum sofrerá o dano da segunda morte."
"Ao que vencer darei do maná escondido, e lhe darei uma pedra branca, e na pedra um novo nome escrito."
"Ao que vencer, e guardar até o fim as minhas obras, eu lhe darei autoridade."
"O que vencer será vestido de vestes brancas. De maneira nenhuma riscarei o seu nome do livro da vida, mas confessarei o seu nome diante de meu Pai e diante cios seus anjos."
"A quem vencer, eu o farei coluna no templo do meu Deus, de onde jamais sairá. Escreverei sobre ele o nome do meu Deus, e o nome da cidade cio meu Deus... e também o meu novo nome."
"Ao que vencer, dar-lhe-ei assentar-se comigo no meu trono, assim como eu venci, e me assentei com meu Pai no seu trono" (Apocalipse 2:7,11,17,26; 3:5,12,21).

Como o cristão trata o seu corpo?
R. Não se contamina com bebidas fortes. Não gasta o seu dinheiro nem contamina o seu corpo (que é o santuário de Deus) mascando tabaco nem fumando; também não faz uso de drogas. Alimenta-se, sim, com comidas boas e nutritivas.
O seu corpo tornou-se uma casa de oração e assiste aos cultos com regularidade e reverência, em todo o tempo e em todas as circunstâncias. Ele gosta muito de orar, quer na igreja ou em particular, porque sabe que um cristão não pode viver sem comungar com Deus pela oração.

Como o verdadeiro cristão encara a Bíblia e a vida futura?
R. a Bíblia é um livro aberto para ele, que a lê e estuda diariamente, encon­trando, dessa forma força, vida, luz e riquezas sem conta. A Bíblia tornou-se uma lâmpada para os seus pés e também uma espada com a qual vence o inimigo. É ela o pão espiritual de todos os dias para a sua alma e água para matar a sua sede. Ao mesmo tempo é a pia onde lava a alma e um espelho onde se contempla e vê como é, realmente. O cristão gosta de levar a sua cruz, porque sabe que sem ela não pode haver coroa. Como ele sabe que ressurgiu juntamente com Cristo para uma nova vida, então procura as coisas de cima, as coisas eternas, que não são visíveis.

O cristão é semelhante ao que? E o que desconhece?
R. ; é semelhante a uma árvore plantada junto a ribeiros de águas, e que dá o seu fruto na estação própria; ou como um ramo de videira verdadeira que dá muito fruto. Desconhece o medo da morte., visto que, pela plenitude do Espírito Santo o perfeito amor de Deus enche e domina o seu coração.

Jesus disse ser o que?
R. Jesus disse: "Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em mim, ainda que esteja morto, viverá; e todo aquele que vive e crê em mim, nunca morrerá'1 (João 11:25,26).

O que Jesus prometeu para os que ouvem a sua palavra e crêem em Deus?
R. "'Em verdade, em verdade vos digo que quem ouve a minha palavra e crê naquele que me enviou, tem a vida eterna, e não entrará em condenação, mas passou da morte para a vida" (João 5:24).

Que profecia Paulo mostrou que Jesus já venceu a morte?
R. "Onde está, ó morte, o teu agulhão? Onde está, ó morte, a tua vitória?... Mas graças a Deus que nos dá a vitória por nosso Senhor Jesus Cristo" (l Coríntios 15:54-57; Oséias 3:14).

Como Paulo mostrou que não tinha medo da morte?
R. "Mas de ambos os lados estou em aperto, tendo desejo de partir e estar com Cristo, o que é muito melhor" (Filipenses 1:23).

Que conselho Jesus deu, e que  promessa fez aos apóstolos?
R. "Não se turbe o vosso coração. Credes em Deus, crede também em mim. Na casa de meu Pai há muitas moradas... virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estou estejais vós também" (João 14:1-4).

Quais são as coisas que Deus preparou para nós?
R. "As coisas que o olho não viu, e o ouvido não ouviu, e não subiram ao coração do homem, são as que Deus preparou para os que o amam" (l Coríntios 2:9).

Quando Jesus voltar o que dirá para os servos fiéis?
R. Bem está servo bom e fiel... Entra no gozo do teu Senhor" (Mateus 25:21).

O que é precioso para Deus?
R. preciosa é à vista do Senhor a morte dos seus santos" (Salmo 116:15).

O que Deus nos pede?
R. Dá-me, filho meu, o teu coração" (Provérbios 23:26).

Quem confia em seu próprio coração é o que?
R. que confia no seu próprio coração é insensato" (Provérbios 28:26).

Qual é o dom gratuito de Deus para os fiéis?
R. "Pois o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna, em Cristo Jesus nosso Senhor" (Romanos 6:23).

Qual era a esperança e a certeza de Paulo?
R. "Porque sei em quem tenho crido, e estou certo de que ele é poderoso para guardar o meu depósito até aquele dia" (2 Timóteo 1:2)

O que devemos estar esperando?
R. "Mas vós, amados, edificando-vos sobre a vossa santíssima fé, orando no Espírito Santo, conservai-vos no amor de Deus, esperando a misericórdia de nosso Senhor Jesus Cristo para a vida eterna" (Judas 20,21).

Jesus é poderoso para nos guardar de que? Para nos apresentar a quem?
R."Ora, àquele que é poderoso para vos guardar de tropeçar, e apresentar-vos jubilosos e imaculados diante da sua glória, ao único Deus, nosso Salvador, por Jesus Cristo nosso Senhor, glória, majestade, domínio e poder, antes de todos os séculos, agora e para todo o sempre. Amém" (Judas 24,25).

Qual é a advertência que Jesus e os apóstolos deram?
R. "Vigiai e orai, para que não entreis em tentação" (Mateus 26:41).
"Aquele, pois, que pensa estar em pé, cuida para que não caia" (l Coríntios 10:12).
Temos que nos revestir de toda armadura de Deus, "para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo" (Efésios 6:11).

(O CORAÇÃO DO HOMEM)

NO ALVO DA VERDADE
JESUS É A VERDADE